Notícias

Notícias

sábado, novembro 22, 2014

Vídeo Instagram - A Vibe foi acima do normal aqui hoje em Tubarão(SC)!

Um vídeo publicado por Leo Chaves (@leoczsp) em

Hoje Victor & Leo se apresentam no Universo Alegria 2014 - Esteio/RS!


Local: Parque da Expointer (Assis Brasil) | Esteio - RS
Abertura dos Portões: 12:00h
Início dos Shows: 15:00h

Pela sétima vez, a Radio Alegria proporcionará ao povo de Esteioo maior festival Sertanejo do Brasil: Universo Alegria 2014, agora em parceria com a Coca-Cola, a Supper Rissul e Kaiser.

No dia 22 de Novembro, Esteio será inundado pelos maiores nomes do sertanejo. Fãs esteienses de sertanejo poderão acompanhar shows dos seus ídolos no Parque Estadual de Exposições Assis Brasil, no quilômetro 13 da BR 116.

Programação Universo Alegria 2014

-  Lucas & Felipe
-  Rio Negro & Solimões
-  Jads & Jadson
- Zezé Di Camargo e Luciano
-  Chitãozinho & Xororó
-  Victor & Leo
-  Luan Santana
-  Lucas Lucco

- Baile do Latino

Ingressos universo Alegria 2014

Ingressos estão à venda nas Lojas Ritmo Veículos, na rede de Supermercados Rissul e em algumas lojas da TIM, além do site do próprio Universo Alegria – www.universoalegria.com.br – com os seguintes preços:


INGRESSOS:
- Pista
2° lote - R$ 50,00
- Pista Vip
2° lote - R$ 100,00
- Camarote Alegria
2° lote - R$ 180,00
- Camarote BemCotado
2° lote - R$ 150,00
- Backstage Coca-Cola Feminino
2° lote - R$ 400,00
- Backstage Coca-Cola Masculino
2° lote - R$ 500,00
- OnStage Feminino
1º lote - R$ 800,00
- OnStage Masculino
1º lote - R$ 1.000,00

Maiores informações acesse: http://www.universoalegria.com.br/

Confira o mapa com a disponibilidade dos lugares:

Fonte: Confira Mais / Universo Alegria

sexta-feira, novembro 21, 2014

Promoção: Valendo um par de ingressos para o show de Victor & Leo no Citibank Hall/SP, dias 12 e 13 de dezembro!


Victor e Leo estão te esperando no Citibank Hall, dias 12 e 13 de dezembro!
Ligue no (11) 3254-6881 quando ouvir a vinheta. Você pode ganhar um par de ingressos para o show


Ouça a rádio (aqui)

Fonte: Facebook Gazeta FM - 88.1 - A Primeira - SP

Vídeos: Show de Victor & Leo em Irati/PR!


Fonte: YouTube: Kelli Jaqueline

Fotos: Show de Victor & Leo em Irati/PR - 20/11!

Confira mais fotos (aqui)

Fonte: Facebook Park Dance

TIM Som de Chamada - Som da Sorte - Victor e Leo "O Tempo Não Apaga"!


Fonte: Facebook Victor e Leo

Foto Instagram - Que prazer inenarrável gravar o Globo Rural...

Moçada animada ontem em Irati!!

Um vídeo publicado por Leo Chaves (@leoczsp) em

Caderno G: Os 22 anos de Victor & Leo!

A dupla lança coletânea com os grandes sucessos da carreira. Confira a entrevista


Os sertanejos Victor & Leo estão com álbum novo. Desta vez, nada de inéditas. O lançamento é uma coletânea com as músicas mais famosas da dupla, que faz parte da série “Perfil”, para comemorar os 22 anos de carreira. A reportagem do Caderno G conversou com o Victor por telefone sobre os detalhes do projeto. Confira:

Com tantos anos de carreira e muitas músicas, foi difícil escolher o repertório para o “Perfil”?
O pessoal da gravadora enviou para mim e para o Leo uma lista com algumas canções que gostariam que estivessem no álbum. Separadamente olhamos as sugestões e respondemos. Aquelas músicas que coincidiram entre nós ficaram. Depois tivemos a ideia de inserir duas canções inéditas.

Como foi a escolha das participações especiais?
A coletânea traz canções que gravamos em 11 álbuns ao longo da carreira. Então algumas parcerias que entraram vieram desses álbuns. Do cd “Ao Vivo em Floripa”, por exemplo, usamos músicas com Thiaguinho e Zezé Di Camargo & Luciano.

E as faixas inéditas?
As músicas novas não foram feitas para o “Perfil”. Elas fazem parte do nosso próximo álbum ao vivo.

Você (Victor) é quem compôs a maioria das músicas da carreira da dupla. Como anda a participação do Leo neste processo?
Hoje o Leo tem composto bastante, e talvez até mais do que eu. Prova disso é o disco “Viva Por Mim”, em que seis canções são assinadas por ele, junto comigo e outros parceiros. O Leo tem cada vez mais surpreendido com canções muito bonitas e de bom gosto. Acho isso muito legal e positivo.

Alguns cantores e duplas lançaram filmes e biografias. Vocês pretendem lançar algo do gênero?
Não que seja uma pretensão, mas no futuro acho que a ideia é boa para que a história da dupla sirva de referência para alguém. Surgiram propostas, mas agora não é o momento. Temos muito chão pela frente ainda.

Por que os fãs devem ter o álbum?
Acredito que o CD “Perfil” é perfeito para se dar de presente para quem gosta do nosso trabalho. O preço dele é pequeno e resume bem a nossa carreira em diferentes fases. Tem canções que foram muito executadas e que o público gosta, além de as duas músicas inéditas.

Caras- Victor & Leo lançam coletânea com grandes sucessos da carreira!

A dupla Victor & Leo lançou um CD de coletâneas com seus maiores sucessos e algumas inéditas: "é bom para quem quer ouvir um resumo da nossa carreira". Confira


Fonte: Caras

Promoção: Blog da GL leva você ao show de Victor & Leo em Caicó/RN, dia 30 de novembro!


Sorteio @BlogdaGl: Quer ir ao show de Victor & Leo na área vip, com direito a acompanhante? O #BlogdaGL vai levar você!

Em comemoração à marca de 2000 seguidores no Instagram do #BlogdaGL, sortearemos dois acessos para a área VIP do show Victor & Leo, realizado no próximo dia 30, em Caicó. Para concorrer: siga @BlogdaGL no Instagram, curta a foto oficial e marque 3 amigos por comentário na foto. 
O sorteio será realizado na sexta-feira 28, às 13h, e o resultado será anunciado logo em seguida. 

O vencedor deve, obrigatoriamente, estar seguindo o @BlogdaGl no Instagram, ter curtido a foto oficial do sorteio e comentado marcando pelo menos 3 amigos. O vencedor dos acessos será contatado e deve retirar as senhas pessoalmente na cidade de Caicó no próprio dia 30. 
Perfis falsos, inativos ou de promoções não serão considerados. 

Siga @BlogdaGl no Instagram e boa sorte!
Fonte: Blog da Glaucia Lima / @BlogdaGl

Promoção: Luciélio Henrique leva você para Área VIP do mega Show de Victor e Leo!


Claro que você não ficará de fora deste super show que acontecerá em Caicó dia 30 de Novembro, está tudo sendo preparado com uma mega estrutura de palco, som, iluminação para o romantismo de Víctor & Leo tomar conta de Caicó no Clube Corinthians. 

Para participar da promoção deixe nome completo e bairro nesta postagem (aqui) para participar) e boa sorte. Esta promoção tem a parceria com a RP PRODUÇÕES do meu amigo radialista e blogueiro Robson Pires.

OBS: Basta colocar uma única vez a sua participação no blog.

quarta-feira, novembro 19, 2014

G1 - Victor & Leo assumem influência de Coldplay e 'rock alternativo eletrônico'!

Faixa de novo CD tem referência de One Republic e Thirty Seconds to Mars.
'Acho importante inovar nos arranjos', diz Leo sobre 'Caminhos diferentes'.

É uma heresia dizer que a dupla Victor & Leo toca o bom e velho rock and roll. Verdade seja dita sobre os irmãos mineiros: eles tocam novo rock também. Se a "voz suave de Neil Young" e o hard rock de Bon Jovi e Guns foram citados como referências anteriores, agora vem algo mais moderno. "Caminhos diferentes", uma das duas faixas novas da coletânea "Perfil", tem arranjo inspirado no rock alternativo com elementos eletrônicos, conta Leo. Coldplay, One Republic, Thirty Seconds to Mars e Coldplay são referências. Clique para ver a letra e ouvir"Caminhos diferentes".

"Não tenho medo de arriscar. É algo novo dentro do sertanejo", diz Leo, coautor e arranjador da música. Na conversa com o G1, os músicos avaliam o gosto por misturas nos 22 anos de carreira. "Eu seria hipócrita se eu dissesse que 'Borboletas' é sertaneja. Não tem nada de sertanejo ali", diz Victor sobre um dos maiores sucessos, presente na coletânea.

G1 - Já que repassam a carreira nesse disco, o que acham o crescimento do sertanejo nesses 22 anos de trabalho?
Leo - Fundamental foi a renovação do gênero, para entrar nos centros urbanos, e a mistura com outros estilos. Houve foi uma mistura geral. Isso foi muito positivo. As pessoas entenderam que a cultura sertaneja é cultura brasileira, e faz parte da essência do Brasil.

Victor - Em relação ao nosso trabalho, "Borboletas" é uma música sertaneja? Nada disso. Eu seria hipócrita se eu dissesse que "Borboletas" é sertaneja. Não tem nada de sertanejo ali. A única coisa de sertaneja é nossa interpretação, como dupla, mesmo assim com referências distintas. Agora, "Deus e eu no sertão" é uma música sertaneja renovada. "Vida boa" e "Sem trânsito, sem avião" também. Porque é uma música do sertão feita com uma nova linguagem. Nem tudo que voa é passarinho.

G1 - E nem toda dupla é sertaneja?
Victor - Nem toda dupla é sertaneja. E nem tudo que você ouve tido como sertanejo é. Não é mesmo. Isso é minha opinião, não do meu irmão.

Leo - Respeito demais sua opinião, até concordo com o seu ponto de vista. Mas eu acho o seguinte: tudo vem de um gênero só, que é música sertaneja. O samba que se faz hoje não é igual ao que se fazia anos atrás. O rock que se faz hoje não é igual ao que se fazia.

Victor - É bem pior (risos).

Leo - O rock que se faz hoje traz muita mistura. Fora do Brasil, misturam hard rock, rock tradicional com eletrônico, R&B, com soul. Hoje a música mundial é mistura. E isso aconteceu no Brasil com a música sertaneja, que passa por isso.

Victor - Nós fazemos música pop, rock, soul, um monte de coisa misturada, e fazemos também música sertaneja. Agora, tem duplas que são tidas como sertanejas que não fazem nenhuma. Aí é que eu estou falando. Tem muito gato por lebre sendo trocado.

G1 - Sobre as músicas novas, a primeira coisa que notei em "Caminhos diferentes" foi o arranjo do Leo.
Leo - Essa música foi feita em voz e violão, um country. Depois pesquiso muito, ouvindo coisas diferentes, baixando músicas. Experimentei inúmeras coisas. Um negócio mais acústico, com um bumbo eletrônico, mas com violões. Depois mudei, com guitarras, para o lado pop rock, mas também não gostei. Fiz um laboratório. Acabei experimentando o "pad" [controlador de efeitos eletrônicos], e colocando loops [trecho de gravação em sequência] também no refrão, com a bateria acústica. Foi o que mais me emocionou. Como eu não tenho medo de arriscar... É algo muito novo dentro do sertanejo, do que a gente já fez.
Nessa canção eu tenho influências de One Republic, Thirty Second to Mars, Coldplay, um pouco de U2. Todos fazem esse rock alternativo misturado com eletrônico."
Leo, cantor

G1 - Teve uma inspiração específica?
Leo - Tem. Nessa canção eu tenho influências de One Republic, Thirty Second to Mars, Coldplay, um pouco de U2. Todos fazem esse rock alternativo misturado com eletrônico. Mistura um pouco também do hard rock, essa voz rasgada que os caras tinham antigamente, e essa base de guitarra que se usa muito nesse rock alternativo. Lógico que tem seu violãozinho e acordeom. Acho importante a gente inovar nos arranjos, mas não perder a essência. A essência do Victor e Leo está ali, embora tenha ousado muito no arranjo.

G1 - Já 'Como eu amei' [composta pelo Victor] é mais delicada. Qual foi a inspiração?
Victor - Vivência. É uma balada rock. Vim de gravações de guitarra no "Viva por mim" e continuei nessa música. Isso vem de muito antes. Quando a gente cantava no início, as pessoas que nos rodeavam na república em Viçosa eram roqueiros. Então ficava estranho cantar como se fosse dupla normal. Os caras iam certamente rejeitar. A gente tinha um jeito de cantar para agradar todo mundo. E aí mudava as nuances das vozes. Isso no primeiro ano, há 22 anos, uma tentativa de conversação universal. E veio se refletindo nos discos depois. Essa música, por exemplo, é uma forma de estar em dupla cantando um rock.

G1 - Houve uma divisão muito clara nessa coletânea, de uma música para cada um. Como pretendem continuar o trabalho?
Leo - A gente pode fazer um "som Victor" e um "som Leo", que no palco vai ser Victor e Leo.

Victor - Acho que a voz do Leo em uma canção que eu arranjei é um "tempero Victor e Leo". Acho que a gente ficou mais prático. A gente batia muito cabeça, chegava no estúdio e ficava horas até um ponto comum, porque um queria uma coisa e um queria outra. Agora falamos que é possível que cada um vista as suas canções. E aí é como se fosse uma participação especial de um na canção do outro, que dá um tempero

Fonte: G1 São Paulo / Por Rodrigo Ortega